Youtube


Visite o Canal Estudando Línguas e Temas Diversos (Powered Leco) e assista nossas videoaulas


Pesquisa Personalizada

Feed Estudando Ingles

segunda-feira, 3 de outubro de 2011

Os 100 livros do século do Le Monde

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.

A listagem Os 100 livros do século do Le Monde é uma lista de livros considerados como os cem melhores do século XX, compilada na primavera de 1999 através de uma sondagem da empresa francesa de distribuição de bens culturais Fnac e do jornal parisiense Le Monde.
A partir de uma lista preliminar de 200 títulos criada por livreiros e jornalistas, 17 000 franceses responderam à pergunta "Que livros ficaram na sua memória?" (« Quels livres sont restés dans votre mémoire ? »).[1]
A lista de títulos reconhecidos mistura grandes novelas com poesia, teatro e banda desenhada. Os primeiros 50 títulos foram analisados por Frédéric Beigbeder num ensaio intitulado O Último Inventário Antes da Liquidação, em que chamou a atenção para o caráter francófilo da lista.
Os 100 livros do século
n.º Título Autor Ano
1 O estrangeiro Albert Camus  1942
2 Em Busca do Tempo Perdido Marcel Proust 1913–1927
3 O Processo Franz Kafka 1925
4  O Principezinho
 O Pequeno Príncipe Antoine de Saint-Exupéry 1943
5 La condição humana André Malraux 1933
6 Viagem ao fundo da noite Louis-Ferdinand Céline 1932
7 As Vinhas da Ira John Steinbeck  1939
8 Por Quem os Sinos Dobram Ernest Hemingway  1940
9 O Bosque das Ilusões Perdidas Alain-Fournier 1913
10 A Espuma dos Dias Boris Vian 1947
11 O Segundo Sexo Simone de Beauvoir 1949
12 Esperando Godot Samuel Beckett  1952
13 O Ser e o Nada Jean-Paul Sartre [] 1943
14 O Nome da Rosa Umberto Eco 1980
15 Arquipélago Gulag Alexander Soljenítsin  1973
16 Paroles (em francês) Jacques Prévert 1946
17 Álcoois Guillaume Apollinaire 1913
18 O Lótus Azul Hergé 1936
19 Diário de Anne Frank Anne Frank 1947
20 Tristes Trópicos Claude Lévi-Strauss 1955
21 Admirável Mundo Novo Aldous Huxley 1932
22 Mil Novecentos e Oitenta e Quatro George Orwell 1949
23 Asterix o Gaulês René Goscinny e Albert Uderzo 1959
24 A Cantora lirica careca Eugène Ionesco 1952
25 Drei Abhandlungen zur Sexualtheorie (em alemão) Sigmund Freud 1905
26 A Obra ao Negro
A Obra em Negro Marguerite Yourcenar 1968
27 Lolita Vladimir Nabokov 1955
28 Ulisses James Joyce 1922
29 O Deserto dos Tártaros Dino Buzzati 1940
30 Os Moedeiros Falsos André Gide  1925
31 Le Hussard sur le toit (em francês) Jean Giono 1951
32 Belle du Seigneur (em francês) Albert Cohen 1968
33 Cem Anos de Solidão Gabriel García Márquez  1967
34 O Som e a Fúria William Faulkner  1929
35 Thérèse Desqueyroux (em francês) François Mauriac  1927
36 Zazie no metrô Raymond Queneau 1959
37 Confusão de Sentimentos Stefan Zweig 1927
38  E Tudo o Vento levou
 …E o Vento Levou Margaret Mitchell 1936
39 O Amante de Lady Chatterley D. H. Lawrence 1928
40 A Montanha Mágica Thomas Mann  1924
41 Bom dia, Tristeza Françoise Sagan 1954
42 Le Silence de la mer (em francês) Vercors 1942
43 A vida: modo de usar Georges Perec 1978
44 O Cão dos Baskervilles Arthur Conan Doyle 1901–1902
45 Sob o Sol de Satã Georges Bernanos 1926
46 O Grande Gatsby F. Scott Fitzgerald 1925
47 A Brincadeira Milan Kundera 1967
48 O Desprezo Alberto Moravia 1954
49 O Assassinato de Roger Ackroyd Agatha Christie 1926
50 Nadja André Breton 1928
51 Aurélien (em francês) Louis Aragon 1944
52 Le Soulier de satin (em francês) Paul Claudel 1929
53 Seis Personagens à Procura de um Autor Luigi Pirandello  1921
54 A Resistível Ascensão de Arturo Ui Bertolt Brecht 1959
55 Vendredi ou les Limbes du Pacifique (em francês) Michel Tournier 1967
56 A Guerra dos Mundos H. G. Wells 1898
57  Se Isto É um Homem
 É isso um Homem? Primo Levi 1947
58 O Senhor dos Anéis J. R. R. Tolkien 1954–1955
59 Les Vrilles de la vigne (em francês) Colette 1908
60 Capital da dor Paul Éluard 1926
61 Martin Eden Jack London 1909
62 A Balada do Mar Salgado Hugo Pratt 1967
63 O Grau Zero da Escrita Roland Barthes 1953
64 A honra perdida de Katrarina Blum Heinrich Böll  1974
65 A Costa das Sirtes Julien Gracq 1951
66 As palavras e as coisas Michel Foucault 1966
67 Pé na estrada Jack Kerouac 1957
68 A Maravilhosa Viagem de Nils Holgersson através da Suécia Selma Lagerlöf  1906–1907
69 A Room of One's Own (em inglês) Virginia Woolf 1929
70 Crônicas Marcianas Ray Bradbury 1950
71 O deslumbramento de Lol V. Stein Marguerite Duras 1964
72 O Processo de Adão Pollo J. M. G. Le Clézio  1963
73 Tropismes (em francês) Nathalie Sarraute 1939
74 Jornal Jules Renard 1925
75 Lord Jim Joseph Conrad 1900
76 Escritos Jacques Lacan 1966
77 O Teatro e seu Duplo Antonin Artaud 1938
78 Manhattan Transfer (em inglês) John Dos Passos 1925
79 Ficções Jorge Luis Borges 1944
80 Moravagine (em francês) Blaise Cendrars 1926
81 O General do Exército Morto Ismail Kadare 1963
82 A Escolha de Sofia William Styron 1979
83 Romancero Gitano Federico García Lorca 1928
84 Pietr-le-Letton (em francês) Georges Simenon 1931
85 Nossa Senhora das Flores Jean Genet 1944
86 O Homem sem Qualidades Robert Musil 1930–1932
87 Fureur et mystère (em francês) René Char 1948
88  À Espera no Centeio
 Uma Agulha num Palheiro
 O Apanhador no Campo de Centeio J. D. Salinger 1951
89 No Orchids For Miss Blandish (em inglês) James Hadley Chase 1939
90 Blake & Mortimer Edgar P. Jacobs 1950
91 Os Cadernos de Malte Laurids Brigge Rainer Maria Rilke 1910
92 La Modification (em francês) Michel Butor 1957
93 As origens do totalitarismo Hannah Arendt 1951
94  Margarida e o Mestre
 O Mestre e Margarida Mikhail Bulgakov 1967
95  Rosa-Crucificação
 Crucificação Encarnada Henry Miller 1949–1960
96  À Beira do Abismo
 O sono eterno Raymond Chandler 1939
97 Amers (em francês) Saint-John Perse  1957
98 Gastão André Franquin 1957
99 Debaixo do Vulcão Malcolm Lowry 1947
100 Os Filhos da Meia-Noite Salman Rushdie 1981


--

Miraldo Ohse

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Como Ler Bem e Rapidamente

Estudos de Linguística

Qual o melhor aplicativo para leitura no tablet?

Qual é o melhor e-reader?