Youtube


Visite o Canal Estudando Línguas e Temas Diversos (Powered Leco) e assista nossas videoaulas


Pesquisa Personalizada

Feed Estudando Ingles

sábado, 29 de outubro de 2016

Compartilhar: Os inovadores – Uma biografia da revolução digital

Os inovadores – Uma biografia da revolução digital - Walter Isaacson (Realçar: 48; Nota: 0)

-------------

"As inovações sempre trazem a marca das organizações que as criaram. No caso da internet, a coisa se deu de maneira especialmente interessante, pois foi desenvolvida por uma parceria de três grupos: Forças Armadas, universidades e empresas privadas."
(Capítulo:7. A internet)

"Vannevar Bush"
(Capítulo:7. A internet)

"criou o Analisador Diferencial, o primeiro computador analógico"
(Capítulo:7. A internet)

"supervisionou o Projeto Manhattan para construir a bomba atômica"
(Capítulo:7. A internet)

"General da Física"
(Capítulo:7. A internet)

""Se estivéssemos atentos à tecnologia bélica dez anos atrás", a revista o citou, dizendo que ele bateu o punho na mesa, "talvez não tivéssemos essa guerra desgraçada."5"
(Capítulo:7. A internet)

"A pesquisa básica leva ao novo conhecimento", escreveu Bush. "Ela produz capital científico. Ela cria a base a partir da qual as aplicações práticas do conhecimento devem se desenvolver."8"
(Capítulo:7. A internet)

"Novos produtos e novos processos não aparecem de repente. Eles se baseiam em novos princípios científicos básicos, e novas concepções, que, por sua vez, resultam de trabalhos penosos desenvolvidos pela pesquisa pura no campo da ciência. Uma nação que precisa de outras para novos conhecimentos científicos básicos será morosa em seu progresso industrial e fraca, em termos competitivos, no comércio mundial."
(Capítulo:7. A internet)

"Avanços científicos, quando aplicados na prática, significam salários mais altos, mais empregos, mais colheitas abundantes, mais tempo para o lazer, para o estudo, para aprender a viver sem o trabalho penoso que constituiu o fardo do homem comum das épocas passadas.9"
(Capítulo:7. A internet)

"A criação de uma relação triangular entre o governo, a indústria e a academia foi, a seu próprio modo, uma das inovações significativas que contribuíram para produzir a revolução tecnológica do final do século XX."
(Capítulo:7. A internet)

"O retorno desse investimento foi enorme, resultando não apenas na internet, mas em muitos pilares da inovação americana no pós-guerra, e também no boom econômico.11"
(Capítulo:7. A internet)

" Estreitamente associado a ambos estava um professor do MIT com uma fala arrastada do Missouri e grande talento para organizar equipes. Ele se tornaria o único destaque individual no lançamento da internet.     J. C. R. LICKLIDER"
(Capítulo:7. A internet)

"Joseph Carl Robnett Licklider"
(Capítulo:7. A internet)

"Ele foi o pioneiro intelectual dos dois mais importantes conceitos subjacentes à internet: redes descentralizadas capazes de facilitar a difusão de informação de e para qualquer parte, e interfaces que iriam possibilitar a interação homem-máquina em tempo real."
(Capítulo:7. A internet)

"Bob Taylor: "Na verdade ele foi o pai de tudo".12"
(Capítulo:7. A internet)

"No MIT, Licklider integrou-se no eclético círculo de engenheiros, psicólogos e humanistas reunidos em torno do professor Norbert Wiener, um teórico que estudava como seres humanos e máquinas trabalhavam juntos e cunhou o termo "cibernética"
(Capítulo:7. A internet)

""Para ele, a colaboração era a chave de tudo""
(Capítulo:7. A internet)

"Ele saía por aí criando grupos de pessoas e estimulando-as a serem curiosas e resolver problemas.""
(Capítulo:7. A internet)

"Outro atributo, que lhe seria muito proveitoso na organização da equipe que lançou os fundamentos da internet, era seu gosto por partilhar ideias sem aspirar a receber o crédito por elas."
(Capítulo:7. A internet)

"COMPARTILHAMENTO DO TEMPO E SIMBIOSE HOMEM-COMPUTADOR"
(Capítulo:7. A internet)

"John McCarthy"
(Capítulo:7. A internet)

"sistemas de comutação de tempo partilhado."
(Capítulo:7. A internet)

"processamento por lote"
(Capítulo:7. A internet)

"O tempo compartilhado era diferente. Permitia que toda uma série de terminais fosse conectada ao mesmo mainframe, de forma que muitos usuários podiam teclar comandos diretamente e obter uma resposta quase no mesmo instante."
(Capítulo:7. A internet)

"Tínhamos uma espécie de pequena religião florescendo por aqui quanto a como isso iria ser totalmente diferente do processo por lote", disse Licklider"
(Capítulo:7. A internet)

"O processamento por lote era como trocar cartas com uma pessoa, ao passo que a computação interativa era como conversar com ela."
(Capítulo:7. A internet)

"Laboratório Lincoln, o centro de pesquisas das Forças Armadas "
(Capítulo:7. A internet)

"montou uma equipe de profissionais, metade dos quais psicólogos, metade engenheiros,"
(Capítulo:7. A internet)

"desenvolver computadores para o sistema de defesa aérea, capazes de anunciar a iminência de um ataque inimigo e de coordenar uma reação."
(Capítulo:7. A internet)

"Para que funcionasse, o sistema SAGE precisava permitir que seus usuários tivessem interação imediata com seus computadores. Quando um míssil ou bombardeiro inimigo se aproximasse, não haveria tempo para cálculos baseados no processamento por lote."
(Capítulo:7. A internet)

"Queríamos formas de manter na tela a situação do espaço por segundos sucessivos, e bolar rastreadores, e não pulsos sonoros, e colorir o produto do rastreamento de maneira que se pudesse ver qual era a informação recente e dizer em que direção a coisa estava indo.21"
(Capítulo:7. A internet)

"Ele começou a falar sobre o que chamava de "um verdadeiro sistema SAGE", que colocaria em rede não apenas centros de defesa aérea, mas também "centros pensantes" que incorporassem vastas bibliotecas de conhecimentos, com as quais as pessoas poderiam interagir amigavelmente com os consoles de displays — em outras palavras, o mundo digital de que dispomos hoje."
(Capítulo:7. A internet)

"Man-Computer Symbiosis" [Simbiose homem-computador], que Licklider publicou em 1960. "
(Capítulo:7. A internet)

"A esperança é que, dentro de não muitos anos, cérebros humanos e computadores haverão de estar conjugados de forma bem próxima", ele escreveu, "e que a parceria daí resultante irá pensar como nenhum cérebro humano jamais pensou e processar dados de um modo muito distante da forma com que o fazem as máquinas de processamento de informações de que dispomos hoje." "
(Capítulo:7. A internet)

"A REDE DE COMPUTAÇÃO INTERGALÁCTICA  "
(Capítulo:7. A internet)

"James Killian, presidente do MIT"
(Capítulo:7. A internet)

"Agência de Projetos de Pesquisa Avançada no Pentágono"
(Capítulo:7. A internet)

"historiador Fred Turner "
(Capítulo:7. A internet)

"Departamento de Técnicas de Processamento de Informações da Arpa (Informational Processing Techniques Office — IPTO)."
(Capítulo:7. A internet)

"Considerar a situação em que vários centros diferentes estejam ligados em rede "
(Capítulo:7. A internet)

"BOB TAYLOR E LARRY ROBERTS"
(Capítulo:7. A internet)

"Bob Taylor nasceu em 1932 num abrigo para mães solteiras em Dallas, foi posto num trem, enviado para um orfanato em San Antonio e adotado, com 28 dias de vida,"
(Capítulo:7. A internet)

"omo Steve Jobs, Taylor também foi adotado."
(Capítulo:7. A internet)

"Ivan Sutherland"
(Capítulo:7. A internet)

"Três coisas no IPTO incomodaram Taylor. Primeiro, todos que trabalhavam nas universidades e nos centros de pesquisa que tinham contrato com a Arpa queriam os computadores de última geração e mais desenvolvidos. Isso era dispendioso e desnecessário. Devia haver um computador que fizesse gráficos em Salt Lake City e outro que garimpasse dados em Stanford, mas um pesquisador que quisesse realizar ambas as tarefas tinha de se deslocar de um lugar para outro de avião ou então pedir ao IPTO que financiasse outro computador. Por que eles não podiam ser conectados por uma rede que lhes permitisse partilhar o computador um do outro? "
(Capítulo:7. A internet)

"Taylor descobriu que os que se encontravam em determinado lugar estavam muito interessados em se informar sobre as pesquisas que eram feitas em outros lugares. "
(Capítulo:7. A internet)

"Taylor ficou surpreso com o fato de que havia três terminais em seu escritório no Pentágono, cada um com suas próprias senhas e comandos, conectados a diferentes centros de computação financiados pela Arpa."
(Capítulo:7. A internet)

"Esses três problemas podiam ser resolvidos criando-se uma rede de dados para conectar centros de pesquisa, isto é, se ele pudesse implementar o sonho de Licklider de uma Rede de Computadores Intergaláctica."
(Capítulo:7. A internet)

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Como Ler Bem e Rapidamente

Estudos de Linguística

Qual o melhor aplicativo para leitura no tablet?

Qual é o melhor e-reader?